Letreiro

Graça e paz! Bem-Vindos ao nosso Blog querido Adorador. Fique ligado nas novidades do blog! Paz.

Israel

Muro das lamentações ao vivo

Graça e paz J.A! Temos agora mais uma novidade em nosso blog, o Muro das lamentações ao vivo! Não conseguimos incorporar o vídeo ao vivo do Muro das lamentações original porque o site do The Kotel (http://english.thekotel.org/cameras.asp) usou script no vídeo, mais conseguimos este vídeo ao vivo em outro site.


Atenção: espera o vídeo carregar um pouco!




Veja um pouco de sua história:


  O muro ocidental, conhecido como Muro das Lamentações, é o lugar mais sagrado e venerado pelo povo judeu por tratar-se da única relíquia do último templo. O Muro Ocidental é uma pequena parte da muralha que Herodes construiu no ano 20 a.C., em redor do segundo Grande Templo.
  No ano 70, quando da destruição da cidade por Tito, este deixou de pé esta parte da muralha com seus enormes blocos de pedra, a fim de mostrar, às gerações futuras, a grandeza dos soldados romanos que foram capazes de destruir o resto da edificação. Durante o período romano não era permitida, aos judeus, a entrada em Jerusalém. Entretanto, durante o período bizantino, lhes foi permitido entrar, uma vez por ano, no aniversário da destruição, quando lamentavam a dispersão de seu povo e choravam sobre as ruínas do Templo. Daí o nome: Muro das Lamentações.
  O costume de orar junto ao Muro continuou durante o decorrer dos séculos. Entre 1948 e 1967 o acesso ao Muro foi novamente proibido aos judeus, já que ele se encontrava na parte jordaniana da cidade dividida. Depois da Guerra dos Seis Dias, o Muro das Lamentações converteu-se em um lugar de jubilo nacional e de culto religioso.

Muito obrigado querido adorador! Pela: Equipe J.A.